terça-feira, 23 de julho de 2019

Presidente da Frente Municipalista, Bernardo Amorim participa de Seminário que trata da Presidência Social

O deputado estadual do RN, Bernardo Amorim, participou no dia de ontem, na qualidade de presidente da Frente Parlamentar Municipalista, do Seminário "Por que o Brasil precisa de reforma previdenciária?", realizado no Auditório Albano Franco, na Casa da Indústria, na capital de todos os potiguares.

No evento, que contou com inúmeras autoridades da política, sociedade civil e empresários, Bernardo Amorim vem ampla e cirúrgica exposição do tema proposto.
Todo sabemos, que a previdência social brasileira está quebrada, embora alguns grupos teimem em negar, através de alguns malabarismos econômicos. E se não houver mudanças drásticas, os pagamentos das aposentadorias, no futuro bem próximo, ficarão comprometidas. O que já se ver no estado do Rio de Janeiro, por exemplo.

Dados do IBGE evidenciam, que em 1980, o Brasil possuía 9,2 pessoas em idade ativa para cada idoso. Eram 9,2 pessoas trabalhando para financiar a aposentadoria de uma única pessoa. Hoje, o cenário é estupidamente diferente. E o quadro naturalmente haverá de agravar-se, com o passar dos anos. Para se ter uma ideia, no ano de 2060, com o aumento da expectativa de vida do brasileiro, projeta-se que teremos 1,6 pessoa trabalhando para financiar uma só aposentadoria. E isso terá um impacto sem precedentes. Um custo altíssimo que não poderá ser arcado. Teremos a cada ano, mais aposentados, para uma menor quantidade de gente trabalhando.

No ato, foi assinado o Acordo de cooperação Técnica entre o INSS e a Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (FEMURN), apresentação do INSS digital, do projeto da carteira de Trabalho Digital e ao final, a tribuna foi aberta para os questionamentos existentes.
O Presidente da Frente Parlamentar Municipalista, disse da necessidade de ser fazer os ajustes para que se possa manter  pagamento dos aposentados no Brasil
"Tenho muito honra de fazer parte deste acordo de Cooperação Técnica, para que se dê o primeiro passo, sendo o Rio Grande do Norte, o primeiro estado da federação, em assiná-lo", disse o deputado Bernardo Amorim, que recebeu a imprensa para expor seu posicionamento.
O evento contou com a presença de Rogério Marinho, Secretário Especial da Previdência e Trabalho, do Presidente do INSS, Renato Rodrigues Vieira.

Do Blog RN Política em Dia

Nenhum comentário:

Postar um comentário