segunda-feira, 8 de julho de 2019

Hermano leva prefeito de Guamaré para audiência com a governadora Hermano Morais

O deputado estadual Hermano Morais (MDB) esteve na tarde da última sexta-feira (05) em audiência com a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra. O motivo da ida foi o compromisso em expor algumas demandas existentes do município de Guamaré que, se forem atendidas, poderão viabilizar soluções para movimentar a economia do Estado.

Para isso, o prefeito de Guamaré, Adriano Diógenes, e seus secretários, Jeferson Soares (Planejamento) e David Paulino (Indústria, Comércio e Capacitação), solicitaram à Chefe do Executivo Estadual o alargamento da RN-401, importante via de acesso por onde trafegam carretas de empresas que carregam maquinário pesado de indústria de energia limpa, além de mercadorias para o comércio da região, como a fruticultura. O curto espaçamento da via vem sendo causa de inúmeros acidentes e consequente perda de mercadorias.

Na ocasião também foi apresentado um projeto para instalação na cidade de um Pólo Cloroquímico (cloro, sal e gás), que produz o policloreto de polivinila, mais conhecido como PVC, uma comoditie mundial e que pode gerar 40 mil empregos em Guamaré.  A sua principal aplicação é em tubos para encanamento de água e esgoto. Também é usado em couro sintético, fraldas para bebês, cortinas, toalhas de mesa, cortinas de chuveiros, pisos, pipas, bandejas de refeições, revestimentos de fios e cabos elétricos, películas para embalar alimentos, mangueiras de jardim, brinquedos, forração de móveis e estofamento de automóveis. Sobre a questão, o governo se comprometeu a apresentar o projeto à iniciativa privada, mais precisamente a empresários da China que virão ao Rio Grande do Norte na semana que vem.

Para a instalação do Pólo Cloroquímico, o prefeito Adriano Diógenes argumenta que Guamaré reúne as melhores condições naturais únicas no mundo. "Guamaré tem as três matérias-primas essenciais locais como o cloro, sal e gás. O Brasil importa o PVC e nós temos condições de fazer isso aqui. Um pólo desse porte vai gerar mais empregos que 10 refinarias".

Há também a contestação do fornecimento de água no município. Se faz necessário a construção de adutora de maior porte e que funcione. A prefeitura solicitou junto a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) a inclusão de Guamaré no projeto hídrico da adutora de engate rápido da região. Para tentar resolver o imbróglio, foi agendada para o próxima segunda-feira (08) uma audiência no órgão.

Outra preocupação é em relação a refinaria Clara Camarão, rebaixada recentemente rebaixada a condição de ativo industrial. "Hoje a refinaria é apenas uma estação de transbordo. O município perde e o Estado mais ainda. Está sendo um desastre", disse o prefeito Adriano Diógenes. Sobre isso, a governadora Fátima Bezerra vê com preocupação as medidas tomadas pela atual gestão da Petrobrás. "Vamos continuar a lutar e perseguir os nossos objetivos. Recentemente tive uma conversa com o pessoal da Petrobrás e dentro do cronograma e estratégias hoje vigentes, infelizmente não têm intenção de mudar o quadro. Se serve de alento, eles me garantiram que pelo menos não vão sair do Rio Grande do Norte e que até vão ampliar os investimentos em parceria com a iniciativa privada", disse a governadora.

Hermano enxerga com bons olhos um possível alinhamento entre as partes, sugerindo um olhar mais atento para Guamaré. "Importante uma reunião como esta, na qual a governadora nos recebeu muito bem. O prefeito Adriano ao expor as riquezas naturais de Guamaré também mostra sua preocupação e visão de Estado. A parceria entre governo do Estado e o município de Guamaré, se levada a efeito, representará um novo momento para a economia do Rio Grande do Norte. Afinal, continuamos numa profunda crise econômica e financeira. Precisamos reerguer o Estado a partir de suas potencialidades!", disse o deputado.

Além dos citados, participaram também da reunião o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jaime Calado, o adjunto da referida secretaria, Silvio Torquato e Adriano Gadelha, representando o mandato do senador Jean Paul Prates, que não chegou em tempo vindo de Brasília.



Deputado Hermano Morais com a governadora Fátima Bezerra

Nenhum comentário:

Postar um comentário