sexta-feira, 29 de setembro de 2017

UFRN apresenta pesquisa de opinião sobre Circular

A Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Proae) apresentou na manhã desta quinta-feira, 28, os resultados do relatório parcial de pesquisa de opinião sobre as modalidades de serviço do Circular. Denominado Circular Comum x Expresso UFRN, o levantamento mediu o nível de satisfação dos usuários com a prestação do serviço pelo Circular Comum e pelo Expresso e se os usuários viram como acertada a implementação do sistema atualmente em uso.

Os números indicaram que 45,3% dos 4.033 entrevistados acredita que o transporte melhorou após a adoção do Circular Expresso e 54,5% expressaram a vontade da permanência do serviço Expresso. Além disso, quando questionados sobre qual a principal reclamação em relação ao Circular Expresso, 79,1% dos participantes afirmaram não ter nenhuma queixa.

Em relação ao Circular Comum, neste mesmo item, 47,9% colocaram a superlotação como principal ponto a ser melhorado. Em decorrência deste percentual, o item aumentar a frota do Comum e do Expresso foi apontado por 62,7% como sugestão para melhorar o serviço. A coleta, tabulação e elaboração do relatório parcial envolveu um grupo de 24 pessoas, entre professores e alunos, coordenados por Francisco de Assis Medeiros da Silva, professor do Departamento de Estatística.

O reitor em exercício da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), José Daniel Diniz Melo, destacou que o estudo vem ao encontro da preocupação da atual gestão para viabilizar melhorias no serviço e os números dão subsídio para estratégias serem colocadas em prática. Neste sentido, ele recebeu também nesta quinta-feira o secretário adjunto de Transporte da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), Clodoaldo Cabral, para falar a respeito da perspectiva de aumento de viagens.

“Percebemos que foi uma decisão acertada da Secretaria a criação desta nova modalidade de trajeto. Contudo, precisamos agir para melhorar as deficiências que os usuários apontaram. A presença do secretário adjunto é importante também, pois temos proposições para contribuir neste serviço, como estudos para reordenamento do local de paradas, criação de retornos adicionais que deem maior eficiência ao trajeto realizado e propiciem maior fluidez também”, enumerou Daniel Diniz.

O secretário adjunto aproveitou a ocasião para entregar um estudo da STTU com estatísticas a respeito das paradas de ônibus com maior movimentação e os horários de maior demanda em cada uma delas. Segundo ele, com as proposições apresentadas pela UFRN se mostrando viáveis, a frota pode receber novos ônibus, mesmo com o aumento recente na frota, que passou de 6 para 8 unidades. Por fim, Daniel Diniz frisou que a UFRN continuará dialogando com a Secretaria para a melhoria do transporte coletivo no Campus Central. Também estiveram presentes o superintendente de Infraestrutura da UFRN, Luiz Pedro, e o pró-reitor de Assuntos Estudantis, Edmilson Lopes Júnior.


  Com informações da ASCOM Reitoria/UFRN

Nenhum comentário:

Postar um comentário