quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Febre em crianças precisa de atenção

A constante mudança climática preocupa muito os pais quando o assunto é a saúde das crianças. Os resfriados, gripes e doenças respiratórias que fazem parte desse período assustam ao primeiro sinal de febre.

‘‘A febre pode ser associada a inúmeros processos inflamatórios. Não é doença, mas um sintoma. Ela age em resposta contra invasões de vírus, bactérias e fungos no organismo’’, explica Kallydya Pasqually, médica pediatra do Hapvida Saúde.

Os cuidados iniciais com a variação de temperatura corporal nas crianças podem ser feitos em casa, como esclarece a pediatra. ‘‘É importante reconhecer os sinais e melhorar o conforto da criança, mantendo um estado adequado de hidratação que pode ser feito com o aumento da ingestão de líquidos. O ideal é sempre procurar orientação médica’’.

Os locais com ambientes fechados devem ser evitados pela fragilidade dos pequenos. ‘‘Manter as crianças em repouso é essencial para o tratamento. Nesses casos, as atividades escolares devem ser suspensas para preservar a saúde da criança’’, alerta.

Alguns sinais indicativos preliminares como ‘‘febre com mais de 39,4°C, calafrios, sonolência, irritabilidade excessiva, pele muito pálida ou respiração ofegante, a criança deve ser levada imediatamente para avaliação médica, já que pode indicar uma infecção que precisa de tratamento rápido’’ como avalia a pediatra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário