segunda-feira, 19 de junho de 2017

Caravana das Águas: Pela retomada das obras do Eixo Norte da transposição do Rio São Francisco


A Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) fará, eesta semana, visitas técnicas às obras de integração do Rio São Francisco nos estados de Pernambuco, Paraíba, Ceará e Rio Grande do Norte. Na ocasião, serão realizadas audiência públicas, na Paraíba e no Rio Grande do Norte, para discutir a retomada das Obras do Eixo Norte. Na última quarta-feira (7), a CDR, presidida pela senadora Fátima Bezerra, aprovou o roteiro das atividades, nos dias 19 e 20, que estão sendo chamadas de Caravana das Águas.

Segundo a senadora, o objetivo da Caravana das Águas é fiscalizar tanto o andamento das obras físicas do Eixo Norte, que vai permitir que as águas do Velho Chico finalmente cheguem aos sertões paraibanos e do Rio Grande do Norte, como as obras sociais derivadas do Projeto de integração do São Francisco. “Mas acima de tudo, a Caravana tem o papel mobilizador, para conscientizar a sociedade civil sobre a importância de pressionarmos o governo para retomar e finalizar as obras, que estão paralisadas desde julho do ano passado”, afirmou.

A Caravana das Águas contará com a participação de parlamentares das bancadas federais dos estados envolvidos, da Igreja Católica, do Comitê da Bacia Hidrográfica dos Rios Piancó-Piranhas-Açu(CBH PPA), de representantes dos legislativos estaduais e municipais, além de prefeitos e da sociedade civil organizada, como trabalhadores rurais, empresários e a OAB. “As reuniões itinerantes que vão ser realizadas pela CDR têm caráter suprapartidário porque é de interesse de todos que as águas do São Francisco finalmente cheguem aos estados, trazendo segurança hídrica, não só para a população do meu Rio Grande do Norte, mas também para Pernambuco, Paraíba e Ceará”, destacou. Ao todo, serão beneficiadas cerca de sete milhões de pessoas com a conclusão das obras do Eixo Norte. Na opinião da senadora, as reuniões serão essenciais para verificar in loco os desdobramentos das obras na vida dos cidadãos de cada estado.

Obras
Apesar de os governos Lula e Dilma terem finalizado mais de 90% das obras de transposição, ainda falta um trecho de 5%, no Eixo Norte, para que as águas do velho Chico cheguem aos estados da Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará. Devido uma discussão na Justiça, foi suspenso o processo licitatório da última etapa.

“Tanto na Paraíba quanto no Rio Grande do Norte, as águas do Eixo Norte servirão para perenizar o Rio Piranhas. A finalização das obras, que se encontram sub judice, resolveriam imediatamente o problema de quase meio milhão de pessoas só no meu estado, que vivem na região do Seridó”, explicou a presidente da Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo, senadora Fátima Bezerra.

As águas do Rio São Francisco contemplarão o Rio Grande do Norte por meio de dois ramais, que beneficiarão todo o estado. Com a perenização do Rio Piranhas/Açu, as águas chegarão à região do Seridó. Já pela construção do Ramal do Apodi, será resolvido o problema de falta de água municípios do médio e alto Oeste, incluindo a segunda maior cidade do Rio Grande do Norte, Mossoró. Isso tudo com o desvio de apenas entre 1 e 3% das águas do Rio São Francisco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário