segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Especialistas do Hapvida Saúde alertam sobre câimbras

Quem já sofreu de uma câimbra sabe que as dores atingem sem que a pessoa esteja esperando. As câimbras são contrações involuntárias dos músculos, também chamadas de espasmos musculares. Elas estão associadas a uma hiperexcitação do nervo que chega até o músculo, o que leva a essa contração involuntária.

Para Graziela Medeiros, Clínica Geral do Hapvida Saúde, a câimbra também pode surgir depois de uma atividade física intensa. “Se você for malhar e fizer exercícios demais na panturrilha, por exemplo, é provável que você tenha câimbra na panturrilha durante ou após a atividade”, disse.

A câimbra é mais comum em mulheres grávidas, idosos e atletas. Para isso, é ideal realizar atividade física frequente e manter uma boa alimentação, pois vai garantir os nutrientes necessários para se evitar não só a câimbra, como vários outros problemas.

De acordo com a nutricionista do Hapvida Edilene Costa, uma alimentação balanceada rica em sais minerais e em proteínas pode evitar caimbras, como banana, abacate, amendoim e derivados do leite. Além disso, é preciso ingerir bastante água para manter a hidratação do corpo.

“Isso porque a dieta precisa levar em consideração a existência de micronutrientes importantes para se prevenir a câimbra, e esses micronutrientes estão presentes nesses alimentos, como o potássio e até o sódio (sem exageros)”, esclareceu Edilene.

Mesmo com todos os cuidados, a nutricionista alerta que se dores persistirem, é preciso buscar orientação médica, já que as contrações podem revelar um problema de saúde mais sério, como a anemia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário