quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Ato de bocejar regula a temperatura do cerébro

O ingênuo hábito de bocejar funciona como uma espécie de dispositivo natural de temperatura cerebral, que logo ativa uma resposta do organismo para resfriá-lo nas horas mais desgastantes. A descoberta foi divulgada em detalhes no jornal britânico Daily Mail.

Durante os estudos, os cientistas pediram a voluntários, que observassem fotos de pessoas bocejando e marcassem com qual eles faziam o mesmo. O teste foi realizado tanto nos dias frios, quanto nos quentes. Os resultados mostraram que as pessoas bocejam quase o dobro no inverno, quando a temperatura corporal é maior do que a do ambiente. Os pesquisadores deduziram, então, que há menos necessidade de bocejar no verão porque o ar respirado seria mais quente que o corpo da pessoa.

Um cérebro superaquecido pode causar sensações de sonolência, o que explica porque nós bocejamos quando estamos com sono. Quando você está prestes a dormir, depois de um dia cansativo (como é o caso de dias muitos quentes), o cérebro logo chega ao limite de trabalho e precisa descansar. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário